segunda-feira, 11 de julho de 2016

VITÓRIA MODA 2016 | 1º DIA

























Ei gente, tudo bem?

Conforme falei nesse post aqui, terça - feira (05/07) começou a 9ª edição do VITÓRIA MODA, a semana de moda capixaba. E eu conferi tudo de pertinho para contar para vocês! Se quiser conferir os looks que usei nos três dias de evento, clique aqui.

O PRIMEIRO DIA de evento foi BEM MOVIMENTADO e cheio de GENTE BONITA e ESTILOSA. As marcas capixabas me surpreendem a cada ano que passa, os novos talentos para mim foram um dos destaques pois apresentaram peças lindas e muito bem elaboradas.  A coleção da Surreal fechou com chave de ouro a primeira noite de desfiles ao som de Karol Conka e foi um verdadeiro "tombamento" na passarela. Confiram todas as peças desfiladas abaixo!

 SENAI CETIQT 

Pela primeira vez o evento trouxe jovens designers de moda do Senai Cetiqt (Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil) de nove estados brasileiros para uma apresentação repleta de referências regionais.

Com o tema “Mundo no Brasil”, o desfile de abertura do Vitória Moda 2016 contou com criações de nove egressos do Senai: Amanda Castro (PR), André Fortes (SP), Jéssica Cerejeira (RN), Natália Menezes (MG), Willame Knowles (MA), Laís Alves (PB), Tiago Silva (PA)Michel Cardoso (RJ) e Sabrina Bublitz (SC) deram um show na passarela, cada um desfilou três peças. 



























































 UVV 

O segundo bloco de desfiles mostrou produções dos formandos do curso de Design de Moda da Universidade de Vila Velha (UVV). Leonardo Ferreira, da marca de moda fitness feminina Gym Store, levou à passarela a coleção de formatura “Selva Urbana”, que teve como conceito a utopia urbana contemporânea (Amei a saia longa com fenda!). Talita Ximenes, da marca Caramelo, exibiu coleção inspirada na cultura nordestina, que mistura leveza e dureza nos materiais. Rose Pasquale, proprietária da Cor de Rose, mostrou seus acessórios e Angélica Baiôco, mostrou em um trabalho minucioso e delicado, peças românticas e leves para as noivas  contemporâneas. 
























 FAESA 

Os novos talentos da FaesaRenan Moreira Dantas, Matheus Yago Santos Reis, Jéssica Melo Silva Sgrancio, Ruan Rodrigues Barbosa, Grasiela Martins, Bianca Pacanhã Maderi Merlo Tristão, Fabiana Augustinho Silva Lourenço, Ane Santanna e Martina Rodrigues, mostraram através de 10 looks inspirados na cultura indígena, na exuberante natureza com suas orquídeas, passando pela rota do mármore e chegando até a arquitetura europeia, com os casarios de Santa Leopoldina, e a arquitetura religiosa com a Basílica de Santo Antônio, em Vitória. Construções arquitetônicas que contribuíram para a miscigenação característica do Espírito Santo.



























p  

 UNESC 







 STUDIO ETÁ 

O terceiro bloco de desfiles foi aberto pela Studio Etá. Etá, que em tupi guarani representa a multiplicidade, dá nome ao estúdio que abriga ideias e marcas distintas. A marca apresentou a liberdade estética. Camisas oversize em viscose e algodão e o clássico macacão em Tuta, um dos corte icônicos da década de 20. Os looks foram completados por maxi acessórios desenvolvidos pela marca Santinha e as bolsas e mochilas, com assinatura da designer Liliana Sanches, foram produzidas manualmente uma a uma, em um movimento que eles definem como “contrário à indústria da moda”. 

Cordas e materiais brutos como metal e cobre, fazendo uma crítica às matérias que movem a economia local e destroem o ecossistema capixaba mesclando com elementos naturais e orgânicos produzidos em pequenas escalas, tornando os usuários diferenciados. 
Para o público masculino, total white com transparência e macacão com muitas estampas.  Todos os modelos desfilaram de pés descalços.































 FLOREST 

A Florest, marca de moda masculina, apresentou sua coleção através de um desfile - protesto devido ao acidente ambiental ocorrido em Mariana/MG, que acabou causando estragos no Rio Doce. Na passarela tons terrosos e sem brilho, além de bolsas feitas de rede de pescar cheias de lixo (achei bem interessante isso!). Destaque para o algodão orgânico de toque macio que pontuou algumas peças, e também a malha desenvolvida a partir de garrafas PET recicladas, um diferencial da cartilha ecológica seguida à risca pela marca capixaba.
































 SAIA DE CHITA 

A Saia de Chita trouxe uma coleção inspirada no sertão. Elementos da estética do cangaço de Lampião e Maria Bonita, como couro, rendas e bordados, foram bastante explorados. Um trabalho manual em tecidos exclusivos que, segundo a marca, busca “aguçar os sentidos”. A modelagem remete ao romantismo, com vestidos soltos e fluidos que deslizaram na passarela ao som do forró nordestino. Coleção extremamente linda!  
































 BEBEL GAMA 

Bebel Gama, que em 2015 esteve no Salão Criativo, estreou na passarela do Vitória Moda 2016 com 15 looks inspirados no universo marinho. A designer capixaba trouxe as ilustrações da fauna e flora marinhas do século XIX para estampar seus caftãs, kimonos e vestidos. Peças fluidas, confeccionadas em seda, chifon e jérsei. A cartela de cores sóbria privilegiou o que a designer chama de “estampas de fundo escuro”, onde os motivos coloridos estão aplicados em superfícies sombrias, em preto e azul. Uma referência ao mar profundo, onde a luz solar se faz pouco presente. Para acompanhar a ideia, modelos de cabelos molhadas e maquiagem sutil, o que podemos chamar de verdadeiras sereias urbanas.





































 ISLAVIX 

A ISLAVIX não segue tendências e já chegou causando na passarela! A marca busca que através de seus produtos que você encontre seu próprio estilo, se sinta confortável e em concordância com seu estado de espírito. A coleção “(Des)Equilibre-se!” busca a harmonia entre o geometrismo e cores sóbrias, com curvas e cores mais alegres

O equilíbrio é representado pelo símbolo delta, o triângulo grego que representa a mudança e fluidez. A transparência simboliza a importância do autoconhecimento na busca pelo equilíbrio. No encerramento do desfile, Juliana Kwak, criativa da marca, desfilou com um look exclusivo. Lacrou!
































 SURREAL 

Em comemoração ao seu aniversário de 30 anos, a Surreal Moda e Arte levou para as passarelas uma celebração da sua essência. “Liberdade de ser diferente”, frase que acompanha a marca desde a sua origem, é que deu o tom dessa coleção. Ao som de Karol Conka, o desfile foi um verdadeiro "tombamento" e levou à passarela pessoas "comuns".

Sempre em defesa da singularidade, nesta coleção a marca buscou trazer um ar fresco em meio a um mundo repleto de padrões de beleza inatingíveis, massificações estéticas sem fim e pressões para que todos repitam um padrão de perfeição inexistente.

Será que estamos perdendo nossa própria identidade tentando nos enquadrar dentro desta estética perfeita? O que diferencia uma pessoa das outras ? O que te torna único ? 

A marca revê a essência do movimento artístico da década de 50, com cores vivas como rosas, amarelos, brancos e caramelos em shapes esportivos repaginados e com estampas castunescas. Os tecidos foram escolhidos pela textura, como o veludo que esteve muito presente nos looks. 

Os acessórios foram outro destaque e casaram perfeitamente com a proposta. Máxi -brincos de acrílico assinados pelo designer Caio Mota trazendo representações de pílulas, bocas entre outros. 







































Todos os desfiles foram CHEIOS DE ATITUDE e RECHEADOS DE NOVIDADES. E vocês, o que acharam das peças? De qual gostaram mais?

Continuem ligados aqui no blog que logo mais terá o post com os destaques do segundo dia de evento.

O Vitória Moda é uma iniciativa do Sistema Findes, em parceria com o Sesi/Senai e correalizado pelo Sebrae.


Bjs e até o próximo post! 


PARA NÃO PERDER NENHUMA NOVIDADE, ACOMPANHE

>> Facebook | Instagram | Twitter <<


>>> Quer ganhar dinheiro com seu blog? Clique aqui! <<<




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por ler o blog!
Gostou do post? Deixe o seu comentário! Isso é muito importante pra mim! ♥
Todos os comentários passam por moderação, faço questão de ler um a um.
Logo o seu será aprovado e respondido.

* Não é permitido "SPAM" nos comentários! ok?

"E tudo o que pedirdes em oração, se crerdes, recebereis" - Mateus 21:22